O Gato leu: Demolidor – A Queda de Murdock

Demolidor – A Queda de Murdock – Frank Miller e David Mazzucchelli
Editora: Salvat
Ano: 2013
Páginas: 192

Eu acho o Demolidor um dos melhores personagens da Marvel, ele é muito complexo e humano em suas atitudes. E é exatamente esse caráter humano que será o foco da graphic novel Demolidor – A Queda de Murdock.

Demolidor_A_Queda_de_Murdock_GatoQueFlutua_blog_Foto_Debb_Cabral

Na trama, Wilson Fisk , o Rei do Crime,  tem um império criminoso que seria impossível de ser contido não fosse a interferência do vigilante Demolidor, alter ego do advogado Matt Murdock. As lutas entre o Homem Sem Medo e o Rei são constantes no bairro de Hell’s Kitchen.

Certo Dia, Fisk recebe uma informação revelando a identidade secreta do herói. Para ter certeza, ele arquiteta um plano para ir afetando a vida de Murdock aos poucos, sem que este se dê conta de que seu tapete está sendo puxado.

A campanha de vingança de Fisk é contra o homem com a máscara, mas para derrubá-lo ele percebe que precisa atingir a pessoa por detrás dela. Seu objetivo é não apenas destruir o Homem sem Medo, mas todos ao seu redor. O clima não muito amigável da história se dá por seu autor, Frank Miller, que é conhecido por sua linguagem sombria.

Muitas coisas na história me lembraram a primeira temporada de Jessica Jones, série da Marvel na Netflix. Pode não ser nada, mas podem ser referências, uma vez que ambos os personagens aparecem situados no mesmo contexto muitas vezes. Ainda não assisti a segunda temporada da série do Demolidor, mas a minha irmã que viu, disse que há várias coisas que indicam que na terceira temporada veremos uma história tipo A Queda de Murdock.

Demolidor_A_Queda_de_Murdock_GatoQueFlutua_blog_Foto_Debb_Cabral Demolidor_A_Queda_de_Murdock_GatoQueFlutua_blog_Foto_Debb_Cabral Demolidor_A_Queda_de_Murdock_GatoQueFlutua_blog_Foto_Debb_Cabral Demolidor_A_Queda_de_Murdock_GatoQueFlutua_blog_Foto_Debb_Cabral

Cheio de subtramas, com um final tenso e questionador, além de surpreendente, esse encadernado com capa dura reúne as edições 227 a 233 de Daredevil. Em seus extras temos capas das revista originais norte-americanas, biografias de Miller e Mazzucchelli, a história da origem do personagem e uma galeria com diversas artes do personagem interpretadas  ao longo dos anos, pelos diferentes artistas que o desenharam.

O grande destaque dessa história é o fato dela focar no Matt, na pessoa. Um ser humano com defeitos e que apesar do bom coração pode ser arrogante, prepotente e ignorar o que acontece ao seu redor.

Se trair e ser traído, não há nada mais humano do que isso.

Comente!