TAG: Irmandade dos Blogueiros do Mundo

Mais uma TAG pra compartilhar com vocês!

Dessa vez eu fui indicada pela Bia Oliver, do blog Leituras e Comidinhas, para responder a TAG Irmandade dos Blogueiros do Mundo. Diferente, né? Gostei.

para-tags

REGRAS:
  • Inserir o logotipo da Tag
  • Agradecer e marcar o Blog que te indicou
  • Responder dez perguntas
  • Indicar dez blogueiros e avisá-los
  • Criar dez novas perguntas para os indicados

Vamos lá!

  • Se defina em uma frase.

Eu sou complicada

  • O que te tira um sorriso sincero?

Comida, hahaha

  • Você ama o que você faz (profissionalmente ou não)? Se não, o que seria?

Sim, eu amo. Porém, estou numa fase bem confusa. A minha área (jornalismo) está mudando muito e os profissionais tem que se aperfeiçoar sempre, por isso estou pensando em estudar/pesquisar/trabalhar mais com comunicação digital.

  • Uma pessoa que você tem muita vontade de conhecer pessoalmente e ainda não teve oportunidade. O que diria a ela?

Acho que meus atores preferidos, sei lá. Diria sempre a mesma coisa: admiro muito o seu trabalho. Isso, é claro, se eu tivesse condições emocionais de falar, rs.

  • Qual é a sua maior crença e o que mais te motiva?

Eu creio muito na capacidade que nós todos temos de realizar algo se quisermos de fato isso. O que me motiva é sempre a minha família.

  • Um filme e uma música que te marcaram.

Complicou. Sou a pior pessoa do mundo para escolher algo “preferido”. Se entro na sorveteria meu cérebro entra em colapso, pois sei que se eu escolher um vou deixar todos os outros de fora. Sentiram o drama, né? Essa eu pulo.

  • Você se vê muito diferente do que era há dois anos? Se sim, o que mudou?

Completamente diferente. Eu estou mais madura, responsável financeiramente e ciente que a minha felicidade só depende de mim mesma.

  • Pra você, qual é o “mal” das pessoas?

A necessidade de palpitar na vida de alguém, como se aquilo que elas dissesem fosse conhecimento puro, quando na maioria das vezes é carregado de preconceito, inveja e amargura.

  • Já fez alguma loucura por amor ou já fizeram por você? Conta como foi!

Não. Não curto muito isso, não faço e fico morta de vergonha alheia quando fazem.

  • De onde surgiu a vontade de fazer o blog? E como foi no começo?

Dá necessidade de falar, compartilhar, colocar pra fora tudo o que me afligia. Hoje o blog tem uma variedade bem grande de assuntos, mas o post inicial foi bem sobre o que mais se passava na minha cabeça e a categoria de Crônicas  é, hoje, o espaço para esse tipo de “desabafo” e reflexão. Uma outra coisa que me motivou a criar o blog, foi a vontade de fazer algo por mim, trabalhar em algo meu. Eu amo blogar, ficaria louca sem não escrevesse aqui, tenho certeza.

Como já é costume aqui no blog, não vou indicar ninguém. Quem se identificar e se sentir a vontade pode responder! Também não vou criar mais perguntas, pois acho que vai ficar uma TAG enorme, rs. Beijão!

2 comentários Adicione o seu
    1. Oi Neyara!
      São mesmo, por isso se questionar e se renovar é fundamental. Não dá pra ficar parada e achar que tudo vai cair do céu.
      Amei seu blog! Tem fanpage ou twitter pra acompanhar as novidades?

      Beijão!
      Debb

Comente!