O Gato leu: Um estudo em vermelho

Um estudo em vermelho – Sir Arthur Conan Doyle
Editora: Melhoramentos
Ano: 2011 (integra um box com outros dois livros)
Páginas: 247

Sou apaixonada por literatura policial e o detetive da Baker Street é o melhor!

Um estudo em vermelho é a primeira aventura da dupla formada por Sherlock Holmes e Dr. John Watson. O livro conta a história de como eles se conheceram, foram dividir um apartamento e tornaram-se uma excelente equipe na hora de desvendar mistérios e crimes.

um estudo em vermelho - sherlock holmes - livro - resenha

Na história, Watson era um médico que foi para a guerra, acabou ferido e quase morto. Ele veio para a Inglaterra pra se recuperar.

Nessa situação, naturalmente fui parar em Londres, a grande fossa para onde escorrem todos os vadios e desocupados do império. (Pág. 09)

O médico estava quebrado e quase sem dinheiro, cogitando ir morar no interior, quando um amigo em comum o apresentou a Sherlock Holmes que buscavam alguém para dividir os custos de um apartamento.

A visão de um rosto amigável, em meio à selva londrina, é realmente agradável para um solitário. (Pág 10)

E assim ele foi morar com Holmes, que se mostrou ser um bom colega, mas Watson ainda não o conseguia definir. Ele sabia que Sherlock era muito inteligente e dedicado quando estava em um trabalho, mas não tinha ideia no que ele trabalhava!

Certo dia, a policia veio até Holmes para se consultar com ele e pedir a sua ajuda em um caso. Watson o acompanha e fica, assim como nós, maravilhado com a habilidade do amigo. Diferente da policia, Sherlock deduziu o crime e foi na pista certa para pegar o assassino. No caminho, histórias de mórmons e um romance dão o tom. Um estudo em vermelho. Um caso de mistério, amor e morte.

A vingança não é satisfatória se o criminoso não souber quem o pegou e o porquê. Assim, planejei fazê-lo entender que seus velhos pecados voltaram para levá-lo. (Pág. 222)

Watson, fascinado com as habilidades do amigo, fica indignado ao saber que a policia de Londres leva todo o credito pela solução dos casos. Sherlock trabalha por amor ao que faz e não recebe mérito algum. John decide então que sempre, através de suas anotações, a verdade sobre os casos que Holmes investigar vai aparecer.

E ai? Curtiram? 🙂

Siga nas redes sociais!

Facebook  ✚ Instagram ✚ Twitter ✚ Google +  ✚ Pinterest ✚ Youtube ✚ Skoob

4 comentários Adicione o seu
  1. Somos duas apaixonadas pelo Sherlock. Eu tenho três livros dele, inclusive o primeiro que você resenhou aqui, mas ainda não comecei a ler nenhum porque fico meio apreensiva de ler fora de ordem, já que o é Um Estudo em Vermelho que conta o início de tudo. Você sentiu algum incômodo ou dificuldade por ler na ordem “contrária”?
    Beijo

    1. Eu comecei tudo na desordem, Cecília. Hahaha
      Quando tomei gosto de verdade por Sherlock, já tinha visto e lido muita coisa. Fui pesquisando e descobrindo a cronologia das histórias com os contos e as novelas.
      Pra ser sincera, eu li “O último adeus de Sherlock Holmes”, que é a última história do detetive antes de ler a primeira que resenhei acima.
      Quero muito ler na ordem também como você observou, mas não há dificuldade de pegar as histórias ao aleatório. Sir Arthur escreve muito bem.
      Mas já que você tem “Um estudo em vermelho”, lê ele primeiro, depois pode ler na ordem ou não.

      Que bom que você gostou do post, continue acompanhando o blog, tenho outros livros do Sherlock pra ler e resenhar, além de outros mais.

      Grande abraço!
      Debb

Comente!