O Gato leu: Mr. Mercedes

Mr. Mercedes – Stephen King
Editora: Suma de Letras
Ano: 2016
Páginas: 400
Compre: Amazon

Tenho muito que agradecer a Zona Morta por me tirar da desilusão de ler Stephen King provocada por O Iluminado. Me apaixonei pela escrita do autor, pretendo ler o máximo possível das suas produções e, quem sabe, dar uma segunda chance ao livro que não me cativou.

Mr. Mercedes era o livro que eu queria ler logo que soube do seu lançamento, pois King estava se aventurando na literatura policial em uma trilogia de livros que funcionam individual e coletivamente.

A história começa quando centenas de pessoas desempregadas madrugam na fila para conseguir vaga em uma feira de empregos. A esperança de uma oportunidade e de um futuro melhor passa longe do que lhes é reservado. Sem qualquer aviso, um motorista solitário irrompe no meio da multidão em um Mercedes roubado, atropelando os inocentes. Poderia até parecer um acidente, talvez obra de algum bêbado, mas isso não está na mente do piloto que dá a ré e volta a atropelá-los de propósito. O motorista foge deixando para trás oito pessoas mortas e quinze feridos.

O “Assassino do Mercedes”, como é chamado, assombra o policial aposentado Bill Hodges. Foi um caso deixado sem solução. Tudo muda quando ele recebe uma carta enlouquecida do criminoso. O Mr. Mercedes planeja matar mais e espreita o detetive sem levantar suspeitas. Hodges acorda de sua deprimente e vaga aposentadoria, empenhado em evitar outra tragédia.

O Mr. Mercedes quer que ele cometa suicídio. Hodges se pergunta o que o homem acharia se descobrisse que acabou dando a esse ex-Cavaleiros do Distintivo e das Armas em particular um motivo para viver. Ao menos por um tempo. (Pág. 35)

Mas King não nos deixa às escuras para saber quem é o assassino. Ele nos apresenta de imediato Brady Hartfield, que vive com sua mãe alcoólatra. Brady adorou a sensação de morte sob as rodas da Mercedes e quer sentir aquilo novamente.

Para encontrar o criminoso Hodges terá o apoio de aliados altamente improváveis que irão correr contra o tempo, porque na próxima missão de Brady, se for bem sucedido, vai matar ou mutilar milhares.

Ele pode ser culpado por atacar o mundo que o fez ser como é?

Brady acha que não. (Pág. 292)

Eu devorei este livro, fiquei viciada na leitura e só pensava em como essa história iria se desenrolar. King tem o poder de criar personagens tão criveis e humanos quanto nós. Ele nos faz torcer por eles como torcemos para que as coisas melhorem para nós também. Tudo isso para nos roubar esses personagens, deixando-nos desolados diante da vida e da crueldade humana.

O primeiro capítulo me deixou com um aperto no peito, uma vontade de chorar e a incerteza se a leitura iria continuar. Tudo isso em uma parte da história que tem seu desfecho já informado na sinopse do livro.

King faz referências a outras obras suas dentro da trama. Notar essas referências mostra o quanto que elas já foram incorporadas a nossa memória cultural.

Agora é seguir em frente e ler os próximos livros desta trilogia alucinante!

Siga nas redes sociais!

Facebook  ✚ Instagram ✚ Twitter ✚ Google +  ✚ Pinterest ✚ Youtube ✚ Skoob

Wishlist – Janeiro 2017

Acho que quem visita o blog pela primeira vez e vê uma wishlist pensa logo que sou uma pessoa super consumista. A verdade é justamente o contrário. Ao listar aquilo que eu tenho o desejo de comprar, consigo ver o que é exagero e o que é realmente necessário.

Vamos lá?

01. Oxford Beira Rio Broguês: Eu preciso de conforto e praticidade na hora de ir trabalhar, pois nunca sei se vou passar a manhã inteira na frente do computador ou se vou sair em várias missões, como entrevistas e coberturas fotográficas. Eu uso tênis, desde o de academia até o metalizado moderninho. São velhos de guerra e em breve vão me deixar. Quando isso ocorrer, vou comprar um oxford preto de verniz. Um sapato que veio do guarda-roupa masculino e que dá outra cara ao uniforme de todo dia, não é mesmo? Essa é uma compra certa, mas vou deixar para fazê-la somente depois que passar a estação das chuvas aqui em Belém.

02. Carteira Super Heroes DC Comics:Na mesma vibe do item acima tem a carteira, algo que já usei de tudo quanto é modelo e tamanho. Cansei das grandonas e que só fazem volume na bolsa. Quero uma bem pequenina, do tamanho certo dos cartões e da minha necessidade. Essa nerd mostra que dá pra ter tudo isso e ser divertida ao mesmo tempo.

03.Stephen King, a biografia – Coração Assombrado, da DarkSide Books: Entrei para o clube de fãs do King. Desde A Zona Morta eu estou encantada pela escrita do autor e quero ler tudo o que eu encontrar dele. Esta biografia, lançada aqui no Brasil pela DarkSide é muito bem elogiada, além de linda. Quero conhecer mais sobre a mente por trás das tramas envolventes.

 Siga nas redes sociais!

Facebook  ✚ Instagram ✚ Twitter ✚ Google +  ✚ Pinterest ✚ Youtube ✚ Skoob

Wishlist – Dezembro 2016 – Especial de Natal

A vida tá numa correria nesse final de ano, mas é uma correria boa, sabe?

Coisas boas estão acontecendo e parece que 2017 vai ser muito melhor que 2016. Estou bem feliz e com energias renovadas. Pensando nisso montei a minha wishlist de Natal. Nela tem duas coisas que vou comprar logo, pois são necessidades e dois mimos muito desejados.

Vamos lá?

01. Volum’ Express Colossal da Maybelline: Essa com certeza vai ser a minha primeira compra, pois além da minha necessidade ser urgente, é a melhor mascara de cílios da vida! Não dá pra ficar sem ela, basta algumas camadas e o olhar já está renovado.

02. Agenda 2017: Provavelmete a que vou comprar não será essa da imagem, porém esse modelo do Snoopy da Tilibra é bem do jeito que estou buscando uma agenda: pequena, um dia por página, de espiral, com espaço para notas e observações. 2017 promente se intenso e pra manter a calma é preciso estar muito bem organizada.

03. Livro Cujo, de Stephen King: Eu me apaixonei por A Zona Morta e estou enlouquecida agora que descobri que a Suma de Letras lançou um livro no qual a trama se passa na mesma cidade do serial killer anterior. O assassino desta vez é um cachorro! Cujo, o cão raivoso.

04. Galocha preta da Zaxy: Eu tenho uma galocha preta de cano curto e amo demais. No período das chuvas Belém fica debaixo d’água, e meter o pé em uma poça é algo mais do que comum. Procurando a sandália da wishlist de novembro encontrei essa galocha da Zaxy que é muito bonita e elegante. A minha ainda aguenta muita coisa, mas quando chegar a hora de trocar é bom saber que a marca está investindo nesse tipo de modelo também.

Siga nas redes sociais!

Facebook  ✚ Instagram ✚ Twitter ✚ Google +  ✚ Pinterest ✚ Youtube ✚ Skoob

O Gato leu: A Zona Morta

A Zona Morta – Stephen King
Editora: Ponto de Leitura
Ano: 2009
Páginas: 611

Eu estou apaixonada por esse livro! De longe é uma das melhores leituras que já fiz este ano!

Eu já tinha lido O Iluminado, outro livro do King que deu origem ao clássico de Stanley Kubrick, mas não tinha curtido muito e depois disso não li mais nada do autor. Porém, eu conheço muitas pessoas que amam a escrita do King e de tanto ouvir elogios, decidi dar outra chance à ele, afinal o cara tem dezenas de livros escritos, de pelo menos um eu teria que gostar!

Numa troca consegui A Zona Morta de segunda mão e quando descobri o projeto do All About King que ia rolar agora em outubro, com o objetivo que convencer todo mundo a ler um livro do autor, decidi que essa era a hora de mergulhar na leitura.

A Zona Morta_GatoQueFlutua_blog_Foto_Debb Cabral

Em A Zona Morta conhecemos Johnny Smith, um  professor secundário, gente boa e simpático com todos. Certa noite, ele e sua então namorada, Sarah, decidem aproveitar a programação da feira regional que estava ocorrendo. Essa seria a noite que mudaria sua vida para sempre. Um acidente. Um coma profundo de cinco anos.

Ela sentiu as lágrimas começando a escorrer pelas faces e pela primeira vez (mas não a ultima) começou a desejar que Johnny morresse e descansasse em paz. (Pág. 106)

Ao acordar, Johnny não reconhece certos objetos. Segundo os médicos, uma área de seu cérebro está danificada, Zona Morta é como chamam.Porém, este será o menor dos problemas na vida dele daqui para frente.

O mundo mudou enquanto ele dormia, as pessoas que ele amava mudaram, a politica mudou. Além de sentir que esta não é mais a sua vida, Johnny descobre que é capaz de, com um simples aperto de mão, saber fatos do passado das pessoas e prever seu futuro. Uma área do seu cérebro morreu, mas outra despertou. Para Johnny, isso é uma maldição.

Aparentemente, para cada pessoa ansiosa por ser tocada, por ser informada, por entrar em contato com o estranho dom de Johnny, havia outra que o encarava com uma espécie de leproso. (Pág. 334)

Um dia, ele aperta a mão de Greg Stillson, um aspirante político norte-americano. Depois desse contato Johnny será atormentado por uma visão apocalíptica. Para resolver esse problema ele terá que enfrentar um dilema moral e mortal.

Este é um livro do King para quem tem medo sobre criaturas, monstros e entidades. É um livro sobre pessoas, mas isso o torna muito mais assustador para mim. Ver as coisas de que o ser humano é capaz é mais terrível do que qualquer criatura sobrenatural. Religião, histeria, negação e omissão estão presentes nessa história que nos faz virar as paginas compulsivamente.

Bem, todos nós fazemos o que podemos, e isso tem que ser bom o bastante… (Pág. 609)

Não tem como não simpatizar com o protagonista, mas ao mesmo tempo ele nos assusta quando tem uma de suas visões. O livro ganhou uma versão cinematográfica em 1983, intitulada A Hora da Zona Morta, dirigida pelo excelente David Cronenberg e contando com Christopher Walken no papel de Johnny Smith e Martin Sheen no de Greg Stillson. Incrível, não é mesmo?

Recomendo muito!

Siga nas redes sociais!

Facebook  ✚ Instagram ✚ Twitter ✚ Google +  ✚ Pinterest ✚ Youtube ✚ Skoob

Wishlist – Outubro de 2016 – Especial Halloween

Se no ultimo 6 on 6 eu dei seis indicações literárias para vocês aproveitarem nesse mês de outubro, agora vou apresentar a minha wishlist das trevas, com livros que ainda pretendo ler.

Venham ver!

wishlist-outubro-2016-gatoqueflutua

01. Exorcismo, de Thomas B. Allen: Eu acho que O Exorcista é o meu filme de terror preferido. Ele ainda consegue ser muito assustador mesmo após tantos anos desde o seu lançamento. Eu tenho o livro que deu origem ao filme, mas o que muita gente não sabe é que existiu uma história real, um exorcismo de verdade. O livro da DarkSide vem narrar os fatos do exorcismo de Robert Mannheim, um jovem norte-americano de 14 anos que gostava de brincar com sua tábua ouija.

02. Carrie – A Estranha, de Stephen King: Foi esse livro que apresentou o King para o mundo, esta não é a sua primeira obra, mas foi a primeira a ser aceita e lançada por uma editora. Já vi todas as adaptações para o cinema dessa trama, mas preciso conhecer a história original da Carrie, a jovem perseguida na escola e que um dia descobre possuir poderes misteriosos.

03. Ed e Lorraine Warren: Demonologistas, de Gerald Brittle: Confesso que Atividade Paranormal não me conquistou, tanto que nem quis ver Annabelle ou a sequencia, mas Ed & Lorraine Warren existiram de verdade e isso é fascinante. A DarkSide lançou a biografia definitiva desses famosos investigadores paranormais e eu fiquei muito curiosa pra ler.

04. Os Sete, de André Vianco: A Aleph relançou a obra de estréia do André Vianco, autor nacional. Esse é só o começo de uma série lançamentos do autor junto à editora que é conhecida pela publicação de livros de ficção científica e que agora está se aventurando na fantasia e no horror. Tô muito empolgada com essa novidade!

05. Zé do Caixão – Maldito, a Biografia, de André Barcinski e Ivan Finotti: Faz muito tempo que não vejo nada do Zé do Caixão, mas sei que ele é um dos grandes mestres do terror no mundo. Quero muito conhecer a sua história e o seu trabalho, pois ele conseguiu produzir e editar muitos filmes de um gênero que sofreu bastante com a marginalização. Este livro é também uma aula sobre o cinema brasileiro. Vale lembrar que o Zé é o padrinho da editora DarkSide.

Espero que tenham gostado! 🙂

Siga nas redes sociais!

Facebook  ✚ Instagram ✚ Twitter ✚ Google +  ✚ Pinterest ✚ Youtube ✚ Skoob